Ego

Um pequeno lembrete de que tudo está maravilhosamente bem com ou sem a significância que atribuímos a nós mesmos.

Todos os dias amanhecem
com ou sem você
Todas as cores e estrelas em seus lugares
com ou sem sua aprovação

Os poucos que te conhecem
seguem sua vida
e a história continua a mesma
com ou sem você em suas linhas

A chuva ainda chove
O dia ainda acaba em noite
e o mundo ainda gira
com ou sem você.

Entre todas as bilhões de pessoas
bilhões de planetas
bilhões de galáxias
e nem seus átomos sabem que são seus

Machado de Assis ou Adélia Prado
Bastam para sua ausência
ou quem sabe a solidão
é mais repleta e cheia que sua presença.

Com ou sem você
com ou sem sua significância de si
com ou sem este poema ou seu autor.
O mundo ainda gira.

Photo © 2010 – 2020 Emmer

Poemas em português Poemas insanos

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: