Category: Poemas meio tristes

Jogo das sombras

Lembro de ver nosso abraço projetado naquela parede. Suas mãos embalando meu corpo e minha alma. As mesmas mãos que mais tarde esquartejariam o meu coração.

ler poema

O último pôr do sol

A brevidade do ser. Um pouco do que os olhos veem fica como um rascunho pálido na memória. Mas o que acontece com o resto dos nossos dias, ou com a ideia de que somos meros mortais e orgânicos?

ler poema

Saturno

Nem sempre nós amamos o outro, mas a IDEIA criada a partir do outro. Este poema descreve a dor de enxergar através das expectativas e da projeção.

ler poema

Poema sem fôlego

Dois mil e vinte. O ano começou com uma pandemia que nos obrigou a nos recolher. Medo da morte, corpos pilhados, escândalos políticos. Estar num encontro consigo mesmo dentro de poucos metros quadrados fez com que a poesia me visitasse em forma de ansiedade.

LER POEMA