Category: Sem categoria

Cantiga de pedras

Às vezes quero me fazer livre da lógica, da métrica, do sentido propriamente dito das coisas. Eu quero viver, e eu quero escrever sem regras, rir das palavras estúpidas que brotam na cabeça…

ler poema

Cidade de Deus

Tenho saudades do Brasil. Do cheiro de café de manhã, de ver pessoas conversando na rua e dizendo oi! Saudade do calor humano e do sol. Este poema tem um pouco da minha cidade natal, Bandeira do Sul, e de tudo o que traz nostalgia.

Ler poema