Ego

Um pequeno lembrete de que tudo está maravilhosamente bem com ou sem a significância que atribuímos a nós mesmos.

LER POEMA

Ocaso de verão

Uma verdade sobre amar quem não merece. Quando você se ama no outro e esquece de se amar, e quando se dá conta, você se auto-destruiu por alguém que nem valia a pena.

LeR POEMA

Saturno

Nem sempre nós amamos o outro, mas a IDEIA criada a partir do outro. Este poema descreve a dor de enxergar através das expectativas e da projeção.

ler poema

Poema sem fôlego

Dois mil e vinte. O ano começou com uma pandemia que nos obrigou a nos recolher. Medo da morte, corpos pilhados, escândalos políticos. Estar num encontro consigo mesmo dentro de poucos metros quadrados fez com que a poesia me visitasse em forma de ansiedade.

LER POEMA

Estou partindo

Minha mãe me disse uma vez que eu quase não nasci, que meu parto foi uma milagre. Cheguei atrasado, e nós dois quase morremos. Talvez aquela ânsia pela liberdade que quase nos custou a vida tenha me acompanhado até os dias de hoje. Sempre tive sede pela partida, pelo novo, pelo desconhcido. Às vezes o…

LER POEMA

Cornucópia

Poema pós sexo, no ônibus de volta pra casa. Não desses que seu coração quase para perto de um orgasmo e prazer. Mas um poema quase diabólico sobre uma sensação de assexualidade, de se sentir sujo e usado.

Ler poema

Sociopata

A dualidade sempre foi parte de mim, desde o berço, do signo e da história. Minha frenesia e um olhar para um estranho no espelho me fez compor com brutalidade estas linhas

Ler poema